Tadinho… Você não dá nenhum docinho para ele?

Quem já ouviu essa pergunta? Eu já ouvi um milhão de vezes e ainda ouço, isso porque hoje com 3 aninhos o Rhaul já come alguns docinhos.

Na festinha de aniversário dele eu fiz brigadeiros e beijinhos com leite condensado caseiro de amendoim e ele pode comer os docinhos… para ser sincera, o que ele atacou mesmo foi o bolo de chocolate 66% com morangos. Mas a festinha pode ser assunto de outra postagem né…rsrsrs

Por que não dei doce para o Rhaul antes dos dois anos? Para inicio de conversa o Ministério da Saúde elaborou um caderno chamado:

SAÚDE DA CRIANÇA:
Nutrição Infantil
Aleitamento Materno e
Alimentação Complementar

E lá tem os 10 passos para uma alimentação saudável: guia alimentar para crianças menores de dois anos, no oitavo passo diz o seguinte:

Passo 8: “Evitar açúcar, café, enlatados, frituras, refrigerantes, balas, salgadinhos
e outras guloseimas nos primeiros anos de vida. Usar sal com moderação.”

Mas por que será que devemos evitar açúcar antes dos dois anos de idade? Neste mesmo caderno diz assim:

“A obesidade infantil pode gerar conseqüências no curto e longo prazos e é importante preditivo da obesidade na vida adulta (AMERICAN ACADEMY OF PEDIATRICS, 2003).

Sendo assim, a prevenção desde o nascimento é necessária, tendo em vista que os hábitos alimentares são formados nos primeiros anos de vida (SKINNER et al., 2002).

Uma vez habituada a grande concentração de açúcar ou sal, a tendência da criança é rejeitar outras formas de preparação do alimento (SULLIVAN; BIRCH, 1990).

A ingestão de alimentos com alta densidade energética pode prejudicar a qualidade da dieta, resultando no aumento do peso e na ingestão deficiente de micronutrientes (OVERBY et al., 2003; KRANZ et al., 2005; DUBOIS et al., 2007).”

O açúcar branco é uma caloria vazia que não faz bem para ninguém. Além de dar cárie, predispor o bebê a doenças sérias como obesidade e todas as suas complicações, também atrapalha a educação alimentar da criança.

O bebê já tem uma preferência natural ao doce, então não precisamos aumentar essa preferência oferecendo mais doce ainda. Já sabemos que a qualquer momento que oferecermos um “danoninho” ou um pirulito ele irá gostar e provavelmente, gostar muuuito.

O bebê não sabe que o chocolate é gostoso e o limão é extremamente azedo, ele está conhecendo tudo, somos nós que passamos esses conceitos para nossos filhos.

Eu apresentei limão para o Rhaul, ele gosta muito de chupar limão e não faz careta. Chupa limão como se fosse laranja lima.

O paladar da criança é formado nos dois primeiros anos de vida, então é nesse momento que devemos apresentar a maior variedade de frutas, legumes, verduras, cereais e de sabores… salgado, azedo, amargo…isso é educação alimentar.

A criança pode não aceitar um ou outro alimento logo de cara, mas aí é que entra a mamãe e o papai, oferecendo o mesmo alimento de formas diferentes, auxiliando a formação do paladar do filho de forma consciente.

Mesmo assim pode ter algum alimento que a criança realmente não irá gostar, mas isso não será a regra. Essa criança irá crescer gostando de frutas, verduras, legumes… comida de verdade.

Agora se for inserido no cardápio bolachinha, danoninho, farinhas adocicadas para engrossar o leite, chocolate… o paladar será educado para esse tipo de alimento e, muitas vezes a criança passa a rejeitar os outros sabores. E quando a criança ficar maiorzinha e mais seletiva, o que será que ela irá escolher para comer?

Bebê imita e muito provavelmente vai querer comer o que outra pessoa estiver comendo na frente dele. Não porque ele está com vontade de comer aquilo, afinal ele nem sabe o que é… apenas porque é natural do bebê querer o que outra pessoa ou criança está comendo.

Então não adianta ensinar o filho comer verduras se no prato da mamãe e do papai não tiver verdura. Aqui em casa reeducamos a alimentação da família toda antes do Rhaul nascer.

Chegou o momento de o Rhaul comer doce e ele bem que gosta viu… mas, ele prefere o chocolate mais amargo, ele come os bolos que a mamãe faz, ele não troca um pote de uva ou um tomatinho cereja por nada.

Por esses motivos que eu acredito que a pergunta deveria ser diferente…

Tadinho… por que você já está dando um docinho para ele?????

WhatsApp Image 2017-06-14 at 17.12.34
Uhmmm… Delícia de limão, mamãe!…

 

Anúncios

Um comentário sobre “Tadinho… Você não dá nenhum docinho para ele?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s